Publicidade à Leitura

Inicia-se mais um ano letivo e a Biblioteca Escolar de Abação continua ativa.

O projeto Publicidade à Leitura regressa para mais sugestões que serão do agrado de TODOS!

“O Menino que gritou para dentro” de Ana Ventura

Conto Andarilho “Flor e a Cidade”

Numa articulação entre a Biblioteca Escolar e as docentes de Português do 3º ciclo foi construído pelas turmas do 3º ciclo o Conto Andarilho “Flor e a Cidade” que se iniciou na Semana da Leitura. Esta atividade teve como objetivo promover a escrita criativa a partir das ilustrações do livro “Indra e Yohanna” (trabalhado no 1º e 2º ciclos). Uma vez que os alunos do 3º ciclo não trabalharam este livro, pretendeu-se, criar uma outra história a partir das mesmas imagens.

O resultado foi incrível e os nossos alunos estão de Parabéns!

http://www.storyjumper.com/book/read/109437426/Flor-e-a-Cidade-Conto-andarilho

Concurso Soletrar C

O aluno Afonso Alves do 8ºA representou o nosso Agrupamento no Concurso Soletrar C e , apesar de não ter vencido, fez uma excelente prova. Muito obrigada, Afonso pela tua participação!

Os alunos do 9ºB fizeram, também, um vídeo com a ajuda da docente Cátia Costa a explicar como detetar as impressões digitais.

Muitos parabéns a todos!

Soletrar C

A final concelhia do concurso “Soletrar C”, que visa aumentar o vocabulário, melhorar a pronúncia e a ortografia e aprofundar o conhecimento de conceitos científicos e de cidadania, realiza-se esta quinta-feira, dia 17 de junho, na Biblioteca Raúl Brandão.

O nosso Agrupamento será representado pelo aluno Afonso Alves da turma A do 8º ano.

Boa sorte, Afonso!

Exposição “Rios de plástico”

Para assinalar o Dia Mundial do Meio Ambiente, em articulação com o grupo de Físico-Química, está patente na Biblioteca Escolar uma exposição sobre “Rios de plástico” que retrata a poluição dos rios. Esta exposição foi cedida pelo Laboratório da Paisagem.

Cerca de 80% dos resíduos presentes nos oceanos são compostos por plásticos. Estima-se que, anualmente, mais de 8 milhões de toneladas destes resíduos acabem no mar e que a sua maioria provenha dos rios.

Em Guimarães, já se tem feito muito trabalho que se tem realizado ao longo dos últimos anos, com resultados assinaláveis, mas há, ainda, comportamentos que importa eliminar. Num simples passeio pelas duas principais linhas de água de Guimarães – Rio Ave e Rio de Selho – a poluição salta à vista das mais variadas formas, plástico ou outros produtos poluentes.

Dá que pensar, não? A verdade é que este é o retrato de uma dura realidade que não podemos esconder, mas queremos combater.

É uma oportunidade para pensarmos os nossos comportamentos diários!

Exposição “Três tons de verde”

Durante a Semana da Leitura, esteve presente na Biblioteca Escolar a exposição “Três tons de verde” levada a cabo pelos docentes de Físico-Química.

“Três Tons de Verde” é uma exposição itinerante de fotografias relacionadas com a Natureza e Biodiversidade cujo objetivo é integrar conversas informais acerca de diversas temáticas ligadas ao ambiente. Portugal é um país rico em património natural, conta com a presença de uma interessante diversidade espécies de flora e de fauna associadas a uma grande variedade de ecossistemas, habitats e paisagens. É, por isso, importante incutir às camadas mais jovens da sociedade o conhecimento destes valores naturais e a necessidade de conservá-los, alterando hábitos e tornando-se em cidadãos ativos e curiosos.

Objetivos: 
– Promover a curiosidade pelo mundo natural e a cidadania ativa;
– Conhecer a natureza e aprender a preservar a biodiversidade

Tributo a Amália no Agrupamento de Escolas de Abação

Para encerrar a Semana da Leitura subordinada ao tema “O Som das Palavras” nada faria mais sentido que homenagear a grande diva que tão bem “cantou” as palavras: Amália Rodrigues.

O Agrupamento de Escolas de Abação decidiu, através da fotografia, prestar-lhe um tributo. Alunos, professores e assistentes operacionais uniram-se para recriar fotos da artista transformando-se, o trabalho final, numa exposição com mais de 100 fotos.

Ícone da cultura portuguesa, Amália Rodrigues levou a música e a língua portuguesa aos quatro cantos do mundo, numa carreira de mais de 60 anos onde foi a principal figura da cultura portuguesa no século XX. Além da música, a artista foi atriz no teatro e no cinema.

Clique na imagem e veja “Uma estranha forma de vida” em fotografia!

Vamos comer esta história?

Durante a Semana da Leitura, todos os alunos do Pré-Escolar participaram na atividade “Vamos comer esta história?”. Esta atividade teve como ponto de partida a hora do conto com o livro “O incrível rapaz que comia livros” levada a cabo pela Educadora Sameiro Sousa. Depois da história, as crianças confecionaram bolachas em formato de letras e personagens do livro.

Uma atividade que aliou a leitura à culinária e que fez delirar os mais pequenos!