Todos Juntos Podemos Ler: “Leitura de TODOS para TODOS!”

No âmbito do selo “Todos Juntos Podemos Ler” a Biblioteca Escolar em colaboração com os docentes de Educação Moral e Religiosa Católica e os docentes do 1º ciclo  iniciaram o projeto “Leitura de TODOS para TODOS” com os alunos do 1º ciclo.

Este projeto pretende:

– Promover o prazer de ler;

– Proporcionar o contacto com o livro para promover a inclusão e os afetos;

– Articular o projeto com os docentes do 1º ciclo, disciplinas de Português, Cidadania e Desenvolvimento e Educação Moral e Religiosa Católica.

 Assim, nas EB1 de Calvos, Pinheiro e Agostinho da Silva nas turmas de 1º e 2º ano foi trabalhado o livro “Perto” de Natália Colombo .

Wook.pt - Perto

Ações desenvolvidas:

  • Sessão de contos interativa com os alunos,
  • Construção de um novo final da história através da criação de uma ilustração;
  • Após o término da ilustração, elaboração do reconto, pelos alunos   e apresentação  de forma oral para a turma;
  • A atividade final teve o objetivo de diferenciar gestos de afetividade e gestos de violência através da  proposta de uma dramatização de uma narrativa criada.

“A Árvore Generosa” – Shel SilverStein.

Nas Escolas EB1 de Calvos, Pinheiro e Agostinho da Silva nas turmas de 3º e 4º ano foi trabalhado o livro “A Árvore Generosa”  de Shel SilverStein .

Resultado de imagem para "A Árvore Generosa" - Shel SilverStein.

Ações desenvolvidas:

  • Sessão de contos interativa com os alunos,
  • Proposta de construção de uma história inspirada na temática abordada (Generosidade).
  • Criação, pelos alunos, em pequenos grupos, de uma narrativa utilizando a mímica como forma de apresentação.
  • Apresentação à turma de forma a trabalhar não só as competências artísticas como a educação de público.
  • De seguida, escrita da história e ilustração criada pelos alunos.

Todos Juntos Podemos Ler com as “Estrelas d´Encantar”

“A QUE SABE A LUA?”

Este foi o mote para o trabalho a desenvolver com os alunos de Educação Inclusiva, em articulação com a Biblioteca Escolar no 2º período.

Resultado de imagem para a que sabe a lua

A partir do conto “A que sabe a Lua?” de Michael Grejniec, serão desenvolvidas várias atividades semanais que passarão pelas seguintes fases:

  • Hora do conto,
  • Projeção da história,
  • Elaboração de uma mesa sensorial,
  • Construção de um Jogo da Memória,
  • Articulação com o curso CEF de cozinha e pastelaria para “preparação” da Lua,
  • Confeção de figurinos
  • Dramatização e gravação da história feita pelos alunos de Educação Inclusiva em colaboração com a turma do 9ºA, .

No dia 17 de janeiro, demos início à 1ª atividade: hora do conto. A psicóloga do Agrupamento, Drª Sara Brandão e a professora bibliotecária, Isabel Monteiro levaram a cabo uma divertida hora do conto, com a colaboração dos nossos alunos de Educação Inclusiva. Nesta fase, para além de dar a conhecer a história, foram trabalhadas as sequências.

Momentos que fizeram RIR os nossos meninos. A boa disposição deles é gratificante para todos!

Fiquem atentos aos próximos “capítulos!”

A Biblioteca bate à porta!

Desta vez com a história “O Grufalão” de Julia Donaldson, editora Verbo.

Uma história engenhosa e matreira que arranca risadas ao leitor, O Grufalão é ao mesmo tempo elegante e divertido, simples na sua execução, já que joga habilmente com os medos de uma criança e, em seguida, mostra que até mesmo o mais ameaçador dos monstros nem sempre é tão assustador como parece.

Resultado de imagem para o grufalão

Janeiro

               Dia                              Jardim de Infância                          Hora

23 Agostinho da Silva 09:30
24 Pinheiro 09:30
25 S. Faustino 09:30
29 Tabuadelo 09:30  – 11:00
30 Calvos 09:30

 

Encontro da Comunidade de Leitores do 2º ciclo

“(…) O fato de ter compartilhado contos nos primeiros anos de vida duplica a possibilidade de tornar-se um leitor, falar sobre livros com as pessoas que nos rodeiam é o fator que mais se relaciona com a permanência de hábitos de leitura, o que parece ser uma das dimensões mais efetivas nas atividades de estímulo à leitura”.
Teresa Colomer, 2007

A constituição de uma comunidade de leitores na nossa Escola tem permitido que, de maneira mútua e constante, nas diferentes propostas, os alunos se  ajudem mutuamente  a “olhar” o que não se pode ver sozinho, ao menos não com a mesma amplitude. Assim, mais uma vez, no dia 23 de janeiro teremos um Encontro da Comunidade de Leitores com os alunos do 2º ciclo, a partir das 9h, no auditório da escola.

 

Ler+ Sophia!

Em articulação com a iniciativa proposta pela Câmara Municipal de Guimarães, no âmbito da Semana Concelhia da Leitura 2019 – Concurso Literário Elogio a Sophia – e enquadrada na Comemoração dos 100 anos de Sophia de Mello Breyner Andresen,  a Biblioteca Escolar e o Serviço de Psicologia e Orientação  levaram a cabo uma atividade que envolveu os alunos do 3º e 4º ano das EB1 de S. Faustino e de Tabuadelo que consistiu:

1º Pesquisa sobre a vida e obra de Sophia;

2º Apresentação do poema  “Poema Azul” da autora;

Poema azul

O mar beijando a areia
O céu e a lua cheia
Que cai no mar
Que abraça a areia
Que mostra o céu
E a lua cheia
Que prateia os cabelos do meu bem
Que olha o mar beijando a areia
E uma estrelinha solta no céu
Que cai no mar
Que abraça a areia
Que mostra o céu e a lua cheia
um beijo meu

Sophia de Mello Breyner

3º Abordagem das características do texto poético;

4º Declamação do poema feita pelos alunos;

5º A musicalidade da poesia: Poema Azul cantado por Maria Bethânia;

6º Tempestade de ideias: numa cartolina, os alunos colocaram palavras que remetiam para o MAR;

7º A partir da tempestade de ideias, foi elaborado um poema coletivo.

Deliciem-se com os poemas dos nossos alunos do 3º e 4º ano!

A Estrela do Mar

A Estrela do Mar procura o Amor

Nas ondas altas, fortes e felizes

De um Mar especial e mágico

Onde saltitam sonhos na areia

Que refletem o céu azul

Que abraça o MAR!

                                                 Poema coletivo do 3º e 4º ano de Tabuadelo

 

Maresia

A maresia puxando as algas para a areia

Liberta os peixes coloridos e escamosos

Nadando alegremente nas ondas do MAR

Trazendo o amor no canto da sereia

E a paz dos peixes que completa o MAR!

Poema coletivo do 3º e 4º ano de S. Faustino

 

Muitos parabéns a todos os nossos pequenos grandes poetas!

“Thiana, para além do Arco-Íris” no Centro Cultural Vila Flor

 

No dia 5 de dezembro, comemorou-se, no Centro Cultural Vila Flor, o Dia das Pessoas com Deficiência. Mais uma vez o nosso Agrupamento fez questão de estar presente. Alunos da Educação Inclusiva, do 9ºA e das escolas EB1/JI de Calvos e Tabuadelo, Psicóloga, Professores, Assistentes Operacionais e Utentes do Lar S.Francisco levaram a palco a peça “Thiana, para além do Arco-Íris”.  Este espetáculo é uma mostra do que é vivido no dia a dia do Agrupamento de Escolas de Abação. Um exemplo de boas práticas de ensino numa Escola Pública.

Um excelente trabalho de equipa que envolveu cerca de 100 pessoas e resultou num trabalho brilhante.

Parabéns a TODOS!

 

Comemoração do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência

Esta celebração realiza-se desde 1998, ano em que a Organização das Nações Unidas avançou com a convenção sobre os direitos das pessoas com deficiência.

A data tem como principal objetivo a motivação para uma maior compreensão dos assuntos relativos à deficiência e a mobilização para a defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar destas pessoas.

Cada ano, o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, tem um tema específico, que pauta as atividades e eventos deste dia. Em 2018 o tema é “Emponderando pessoas com deficiência e garantindo inclusão e igualdade”, que chama a atenção para os 30 objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU a serem alcançados em 2030 e como estes objetivos podem criar um mundo mais inclusivo e equitativo para as pessoas com deficiência.

Mais uma vez, o nosso Agrupamento participará nesta comemoração, no dia 5 de dezembro de manhã, no Centro Cultural Vila Flor. Cerca de 50 participantes (alunos do 1º ciclo, do 9ºano, da Unidade de Apoio à Multideficiência, docentes, assistentes operacionais  e utentes do Lar S. Francisco) levarão a cabo a dramatização da peça “Thiana, para além do Arco-Íris”.

Um grande trabalho de INCLUSÃO que permite, mais uma vez, consciencializar a Comunidade Educativa da importância da integração das pessoas com deficiência na sociedade.

Ensaio da peça “Thiana, para além do Arco-Íris no Largo da Câmara Municipal de Guimarães

Receção da Biblioteca Escolar aos alunos do 1º Ano

A Equipa da Biblioteca Escolar não podia deixar de visitar as escolas do 1º ciclo para dar as boas vindas aos alunos do 1º  Ano e futuros leitores.  Os alunos foram presenteados com a história “O Incrível Rapaz que Comia Livros”, contada de forma brilhante pela  professora Anabela Silva.

Esta é a história de um rapaz com um apetite insaciável… por livros. Um dia, assim por acaso, o Henrique descobre esta estranha paixão, que se transforma numa mania constante e deliciosa! E eis a parte melhor: quanto mais livros devora, mais esperto fica. O Henrique sonha tornar-se na pessoa mais esperta do mundo. Até que percebe os malefícios deste hábito peculiar… Já não consegue digerir bem, as coisas que aprendeu começam a ficar todas baralhadas e tem de parar.

Depois de ouvirem a história, onde não faltou dança e canto, os alunos tiveram como tarefa ilustrar a parte que mais gostaram com ajuda da família. Os trabalhos serão, posteriormente, expostos na Biblioteca Escolar.

A Biblioteca “bateu” à Porta!

Desta vez, a educadora Ana Cardoso cotou a história “O Dia em que o Mar Desapareceu” de José Fanha, editora Gailivro.

Trata-se de uma história com procupações de educação ecológica e ambiental que conta o mau comportamento de uma horrorosa família de pássaros bisnaus que sujam a praia e o mar e fazem com que o mar fique triste e desapareça. Como é óbvio, no final o mar salva-se da poluição e volta a ser o maravilhoso mar que todos conhecemos.

As crianças adoraram a história!

“Abação Adota um Idoso!”

No dia 22 de outubro, dia da Biblioteca Escolar, os utentes do Lar S. Francisco vieram, mais uma vez, à nossa escola para a partilha de atividades.

Assim, a tarde começou com frases que os utentes elaboraram alusivas ao tema “Eu adoro a Biblioteca Escolar…”

Seguidamente, os alunos do 9ºC a partilharam histórias de pessoas famosas que ultrapassaram doenças graves. Também os utentes partilharam as suas histórias de vida.

Finalmente, e como é habitual, a tarde terminou com um lanche convívio, onde não faltou a boa disposição entre os utentes do Lar, alunos, assistentes operacionais e professores.

Uma excelente forma de partilha no DIA DA BIBLIOTECA ESCOLAR!