Halloween na BE de Abação

O Halloween é uma das comemorações mais antigas da história, originou-se há milhares de anos atrás.
O Halloween que conhecemos hoje teve a influência de muitas culturas no decorrer dos séculos . É uma festa muito popular nos Estados Unidos e Inglaterra, e é celebrada no dia 31 de outubro.
Os celtas da Bretanha Antiga cultuavam a natureza e tinham muitos deuses, sendo o deus Sol seu favorito, pois era “ele” quem determinava o tempo de trabalho e o tempo de descanso, além de ser também o responsável pela beleza da Terra e a fartura da colheita.
Eles acreditavam que bruxas, demônios e espíritos de pessoas mortas ficavam pairando na véspera de 1º de novembro, quando celebravam o Ano Novo. Era o fim da estação do sol e início da estação do frio e da escuridão.
Para eles, nesta época de inverno o deus Sol era mantido como prisioneiro de Samhain, o deus da morte e Príncipe da Escuridão.
Na noite anterior ao Ano Novo, 31 de outubro, os celtas acreditavam que Samhain reunia todas as pessoas mortas. E os mortos assumiam diferentes formas, sendo que os maus espíritos adquiriam forma de animais. Os piores deles se transformavam em gatos.
Para se proteger dos maus espíritos, os sacerdotes celtas, chamados druidas, ofereciam a eles coisas para comer e se disfarçavam com máscaras, para que os espíritos não lhes fizessem mal.
Essa oferenda era realizada através de um ritual realizado na floresta, entre os carvalhos (considerados árvores sagradas). Acendiam fogueiras e, enquanto dançavam ao redor do fogo, realizavam o sacrifício de animais, que era oferecido juntamente com as colheitas.
Ao amanhecer os druidas davam a cada família uma centelha daquela fogueira para que ela acendesse com ele o fogo com o qual iria cozinhar. Acreditava-se, assim, a casa estaria mantida livre dos maus espíritos.
A Origem do Nome HALLOWEEN
A igreja católica designou o dia 1º de novembro para honrar todos os santos (All Saints or All Hallows). A noite anterior ao Dia de Todos os Santos (All Saints Day) era chamado Noite de Todos os Santos (All Hallows Even). A expressão Noite de Todos os Santos (All Hallows Even) foi abreviada para Halloween.
A Comemoração nos Dias de Hoje
Na véspera do Dia de todos os Santos, as crianças fazem máscaras, cada uma mais “terrível” que a outra e saem as ruas para “amedrontar” as pessoas. Visitam casas e recebem doces e dinheiro. Costumam furar uma abóbora em forma de face humana e dentro colocam velas acesas para dar a idéia de terror, de bruxa, e alguns dos símbolos passados permanecem simbolizando a época, como o gato preto, fantasmas e esqueletos representando os mortos.
 
O Halloween na E.B.2,3 de Abação
 
Para comemorar o Halloween, os docentes de Inglês realizaram a atividade Spooky Cake. Assim, todas as turmas de 2º e 3º ciclos confecionaram um bolo alusivo ao Halloween. Os bolos foram expostos na Biblioteca Escolar e, um júri, selecionou o melhor. Não percas as fotos …ASSUSTADORAS! AH! AH! AH!
 
 
 

CONCURSO “UMA IMAGEM…MIL PALAVRAS!”

No dia da Biblioteca não podíamos deixar de iniciar um concurso de escrita. Assim, a partir de uma imagem, todos os alunos dos 2º e 3º ciclos poderão construir um texto em prosa ou em verso que será depois avaliado por um júri. O regulamento encontra-se na Biblioteca.
PARTICIPA! MOSTRA QUE TENS CRIATIVIDADE!
Aqui ficam a Imagem  e o regulamento do concurso.

1.      Objetivos:

S  Fomentar os hábitos de escrita.

S  Desenvolver a criatividade e a originalidade.

2.      Destinatários:

S  Todos os alunos do 2º e 3º ciclos.

3.      Tema/Estilo:

S  Texto em prosa ou verso, intitulado “Uma Imagem…Mil Palavras!”

  1. Apresentação:

S  O texto em prosa ou verso não deverá ultrapassar as trinta linhas.

S  O texto em prosa ou verso deverá ser apresentado numa folha A4, com caligrafia legível ou datilografado e acompanhado dos dados do participante: escola, nome, ano e turma.

S   O texto em prosa ou verso deverá ser entregue na Biblioteca Escolar da Escola sede do Agrupamento.

  1. Prazo:

S  O prazo limite de entrega será o dia 30 de novembro de 2012.

  1. Júri:

S  O júri será composto pela Coordenadora da  BE/CRE e dois professores de Português, um do Segundo e outro do Terceiro Ciclo.

S  Cumpre ao júri analisar os textos apresentados e proceder à sua seleção, tendo em conta a adequação ao título proposto, a qualidade literária, a originalidade e a criatividade.

S  O júri deliberará por maioria de votos.

  1. Outras disposições:

S  Cada participante pode apresentar apenas um texto.

S  Só serão aceites os textos que respeitem o prescrito neste regulamento.

S  A participação neste concurso implica a aceitação deste regulamento.

  1. Resultados:

S  Os resultados deste concurso serão afixados na Escola sede do Agrupamento Vertical de Escolas de Abação.

  1. Prémios:

S  Ao melhor texto em prosa ou verso do Segundo e Terceiro Ciclos será atribuído um prémio e entregue um certificado de vencedor. Estes textos serão utilizados para a elaboração de marcadores de leitura que, autografados, serão oferecidos na 6.ª Edição da Feira do Livro do Agrupamento.

S  Todos os participantes terão direito a um certificado de participação.

 PARTICIPA! MOSTRA QUE TENS CRIATIVIDADE!
                                                

22 de outubro – DIA DA BIBLIOTECA ESCOLAR

Pois é…mais um dia da nossa Biblioteca.
O dia começou com a leitura musicada do poema “Na Biblioteca” em todas as salas de aula. Este poema serviu para homenagear o nosso grande poeta Manuel António Pina, falecido no passado dia 19 de outubro.
Aqui fica a nossa homenagem…

Na biblioteca

O que não pode ser dito
guarda um silêncio feito
de primeiras palavras
diante do poema, que chega sempre demasiado tarde,

quando já a incerteza
e o medo se consomem
em metros alexandrinos.
Na biblioteca, em cada livro,

em cada página sobre si
recolhida, às horas mortas em que
a casa se recolheu também
virada para o lado de dentro,

as palavras dormem talvez,
sílaba a sílaba,
o sono cego que dormiram as coisas
antes da chegada dos deuses.

Aí, onde não alcançam nem o poeta
nem a leitura,
o poema está só.
E, incapaz de suportar sozinho a vida, canta.

(Manuel António Pina in Poesia, Saudade da Prosa: uma antologia pessoal)

LER…COM ARTE!

          Esta atividade decorrerá entre os dias 22 e 26 de outubro e integra-se na comemoração do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares. É uma parceria entre a Biblioteca Escolar e o grupo de EVT e consiste na leitura de um poema após a qual os alunos deverão fazer uma ilustração. Os poemas escolhidos pertencem a escritores de Portugal, Brasil, Timor, Cabo Verde, Moçambique, Angola e S. Tomé de forma a abranger vários países de expressão portuguesa. Todas as turmas de 6º ano participarão e os seus trabalhos serão, posteriormente, expostos na Biblioteca Escolar. Será, sem dúvida, um trabalho interessante e enriquecedor.

FORMAÇÃO DE UTILIZADORES

Durante o mês de outubro, o Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, os alunos do 5º ano participam em sessões de Formação de Utilizadores. Estas sessões permitem aos alunos utilizar o espaço da Biblioteca, assim como os seus recursos, de forma mais autónoma e consciente. Se já aprendeste as regras de utilização da Biblioteca, assim como a organização dos seus documentos, testa os teus conhecimentos em: http://dl.dropbox.com/u/13032283/Conhecer-BE.htm

Amigos…
Estamos de volta para mais um ano de trabalho…estudo…e também diversão!
Continua a visitar o teu blog favorito. Terás muitas surpresas…
Até já…

Visita da Escritora vimaranense Rita Ribeiro da Silva às 15 horas

No dia 5 de junho, o nosso Agrupamento terá o prazer de receber a escritora vimaranense Rita Ribeiro da Silva, pelas 15 horas na Biblioteca da escola E.B.2,3 de Abação, com a apresentação do livro sobre Guimarães “A Minha Praça de S. Tiago”.
Esta visita encerra o projeto “Abação adota um idoso”, atividade em parceria com o Lar S. Francisco,o Clube de Artes e a Biblioteca Escolar.
Nada melhor para encerrar um projeto: histórias e vivências serão partilhadas por várias gerações.
A nossa escritora nasceu numa casa da emblemática Praça do Centro Histórico de Guimarães e, através do livro, presta homenagem ao lugar onde aprendeu a interpretar e a compreender o mundo.
O livro “A Minha Praça de S. Tiago” resulta do enorme afeto que a escritora dedica ao lugar onde nasceu, motivo que a inspirou a partilhar com os leitores o universo de vivências que habitam no seu imaginário, documentando essa retrospetiva com fotografias, ilustrações e pinturas, algumas das quais de sua autoria.
 
Aparece na Biblioteca!

Visita do escritor Thomas Bakk

No dia 1 de junho, e para celebrar o Dia da Criança, o nosso Agrupamento recebe a visita do escritor Thomas Bakk.

Um viajante traz na mala muitas histórias para contar, dos lugares que percorreu, das personagens que conheceu e de tudo que aconteceu, numa fantástica aventura no tempo! Contos de autor e de tradição oral, da autoria e adaptação de Thomas Bakk.

Thomas Bakk, de nacionalidade brasileira, é autor, actor e contador de histórias de literatura de cordel. Este género de literatura, conservada e transmitida pela tradição oral, através das gerações, originou grande parte dos contos tradicionais e uma parcela significativa de alguns dos mais célebres contos clássicos tendo praticamente desaparecido em Portugal e em toda a Europa.

Exposição – Descobrimentos

   
      Mais uma vez a nossa Biblioteca recebe uma exposição. Desta vez temos o tema “Descobrimentos”, onde poderás ver alguns exemplos de Caravelas e Instrumentos Náuticos usados pelos nossos navegadores nos séculos XV e XVI.
   Esta atividade insere-se nos conteúdos programáticos do 5º e 8º ano de História e Geografia de Portugal (2º Ciclo) e História (3º Ciclo). 
Os alunos estão de Parabéns.